I am a girl filled with dreams.

Talvez.


Imaginem-se apaixonadas. Agora, imaginem que a pessoa em questão está sempre lá, sempre por perto, sempre a tratar-vos como se quisesse mais que amizade. E por fim, caiam na realidade percebendo que essa é simplesmente a personalidade da pessoa por quem se apaixonaram. O facto de ela se dar bem com toda a gente consiste na sensação que ela consegue trespassar para as outras pessoas. Lembrem-se disso durante o resto do dia, mas evitem deixar de sorrir, porque não querem que as pessoas vos perguntem o que se passa, quando na verdade não é nada de mais. Apenas se aperceberam que, enquanto idealizavam algo, pensando que "talvez, só talvez...", esqueceram-se do óbvio. Porque estar apaixonado é ver o que se quer ver, é esquecer o que se quer esquecer, e pensar sempre "talvez...". E agora que já sabem que o talvez não é real, que apenas faz parte de uma amizade bem construída, sentem-se menos apaixonados? Não. Porque estes pensamentos vêm ao de cima quando aquela pessoa não está por perto. Assim que ela re-aparece novamente, perguntas e perguntas enchem o vosso pensamento e, deixem-me adivinhar...todas elas começam por um... "talvez"?

6 comentários:

Beatriz Sousa disse...

Recomendo-te a ler os livros, até porque vão melhorando. Acho que o mais desengonçado é o primeiro, porque a partir daí a história fica muito melhor.

Caty disse...

Já passei por isso...

R: Estou em design de moda querida :)

Moiselle disse...

Dá que pensar...
wonder--journal.blogspot.com

Daniela da Costa Silva disse...

Mudei o url do blog e provavelmente os meus posts não vão aparecer no teu feed, se quiseres continuar a ver no painel tens que deixar de seguir e seguir de novo... Obrigada e desculpa pelo incómodo!

Pretty in Pink disse...

Como eu percebo as tuas palavras....

Beijinho*

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Uma bela e maravilhosa semana.