I am a girl filled with dreams.

"Pagar um lanche a um sem abrigo"

...You may hate your life, while some people dream of having your life...

Estava a ver o meu blog e decidi abrir a minha bucket list que já não actualizava à séculos. Então não é que já cumpri um dos meus desejos??

"Pagar um lanche a um sem abrigo"

Não foi totalmente pagar mas dei realmente um lanche a um sem abrigo. Vou então passar para a história. Estas férias fui a Dublin (com a escola), andei muito tempo sozinha (com amigas mas sem professores nem nada) e passávamos todos os dias por muitos sem abrigos. Ora, nós não ficámos num hotel, ficámos em casas de famílias e a minha família dava-me uma sandes pelo almoço que eu achava repugnante porque logo no primeiro dia fiquei mal disposta (provavelmente devido à quantidade de molhos que eles usam). Por isso, chegou a uma altura em que eu mandava a sandes fora e almoçava só a fruta e bolachas de água e sal que tinha levado de Portugal.
Até que num dos dias eu e as minhas amigas tivemos a ideia de dar a comida que não queríamos aos sem abrigo que encontrávamos. E assim foi, quando encontrei um dei-lhe a minha sandes e juro que não há sentimento melhor no mundo do que dar. Isto porque o sem abrigo me olhou como se eu fosse Deus, agradeceu umas 15 vezes e depois disse "God bless you!" enquanto começou a comer a sandes muito satisfeito! Ainda hoje (duas semanas depois, já em Portugal) me sinto feliz ao pensar naquilo que fiz. Pode parecer pouco mas ele ficou tão feliz que a felicidade dele transmitiu para mim uma aura positiva! 
É verdade que alguns dos sem abrigo em Dublin estavam a pedir dinheiro para a droga (houve uma senhora que estava a pedir dinheiro para comer mas quando uma amiga minha lhe ofereceu umas bolachas ela atirou-as para o chão, continuando a pedir dinheiro) mas o que aprendi foi que não devemos pensar que todos o fazem para isso, muitos deles estão com fome e a necessitar é de comida. Sinto que muita gente não os quer ajudar porque os generaliza, pondo-os numa caixa a dizer "alcoólicos ou drogados". Temos de aprender que nem toda a gente tem as oportunidades que nós na vida e que muitas pessoas cometem acções a pensar que vai correr tudo bem e perdem tudo.

1 comentário:

Angel A disse...

Dar é o melhor do mundo, porque quando damos algo, recebemos coisas muito melhores.